top of page
  • Foto do escritorPortal Entre Elas

Espelho, espelho meu

Como anda a sua relação com o espelho?


Por Lizandra Souza

Olá mulher incrível,

Espero que você esteja bem.


Essa semana quero saber como está a sua relação como o espelho.

É isso mesmo, o que você tem visto lá do outro lado todos os dias ao acordar? Você considera o espelho seu amigo ou seu inimigo número um?


Essa séria brincadeira do espelho pode revelar como anda a sua relação consigo mesma, como você tem percebido suas qualidades e defeitos, sua felicidade ou desânimo, sua vontade de viver mais um dia ou de se esconder embaixo da cama. Revela também se você tem orgulho da pessoa que se tornou ou sente-se envergonhada e incapaz.


O espelho traduz exatamente como você está internamente, o quanto você tem se amado, se apreciado e de que forma você tem construído sua autoestima.


O amor a si mesmo é uma das premissas mais importantes para uma vida feliz. E para se amar é necessário aprender a construir uma autoestima edificante e positiva que lhe proporcione uma mudança na forma como você se vê no espelho ou seja, a forma como você sente e vive sua vida, no cuidado com o seu corpo, seus relacionamentos, seu trabalho e tudo mais que envolve suas decisões pessoais.


Quando esse amor próprio está “insuficiente” ao ponto de não gostar de si, isso faz com que você viva em uma eterna batalha interna, é você contra você mesma, agredindo a si mesma e ao mundo. E normalmente para agravar ainda mais a situação, uma pessoa com baixa autoestima tende a culpar os outros por seus infortúnios, seu mal humor e suas mazelas, não entendendo que a felicidade e demais sortes de bênçãos só surgem quando você passa a se amar.


Sua vida e os resultados que você tem só dependem de você. Não terceirize essa responsabilidade a outras pessoas!


Quando você passa a se amar, passa a se cuidar, a apreciar sua própria companhia, a perceber seu valor, suas habilidades, reconhecer seus gostos pessoais, a priorizar-se, entendendo o seu tempo e o seu momento. Aprende a ouvir seu corpo e saber o que ele está pedindo para você fazer pois às vezes, tudo que ele quer é uma pausa, um descanso.


Quem ama permite-se viver seus sonhos e anseios. Quem ama é feliz e pessoas felizes estão aptas a fazer um mundo mais feliz.


Vamos praticar o amor próprio pois só assim você pode fazer a diferença na vida de alguém.

A sua felicidade só depende de você!


Nas próximas semanas trarei dicas valiosas de como você pode trabalhar para construir uma autoestima forte, de uma mulher realmente valorosa e poderosa que se ama e se aprecia cada dia mais.




0 comentário

Komentáře


bottom of page